Login | SITEMAP | FAQS

Science & Society | News | Melhor artigo publicado em 2019 na Revista da Dor é da Universidade do Minho

Melhor artigo publicado em 2019 na Revista da Dor é da Universidade do Minho

O trabalho foi distinguido apenas a 16 de outubro de 2021, premiando novamente o trabalho desenvolvido no ICVS da Escola de Medicina pelos investigadores Patrícia Pinto, Armando Almeida e Cristina Paredes. A equipa desenvolveu um questionário para avaliação da dor associada à hemofilia, com os primeiros dados relativos à prevalência e experiência de dor nas pessoas com hemofilia em Portugal.

O estudo referente recebe agora o prémio de melhor artigo publicado em 2019 na Revista da Dor, depois de vencer o Prémio Grünenthal Dor em 2018 na área da Investigação Clínica, bem como o Early Career Award atribuído pelo Governing Board of the International Society of Behavioral Medicine.

Naquele que foi o primeiro estudo a trazer informação em Portugal sobre a experiência de dor nos pacientes com hemofilia, confirmou-se que a dor é muito prevalente, com cerca de 80% das pessoas inquiridas a referir sentir dor, sendo que além de muito prevalente tem também uma elevada duração.

O prémio atribuído no âmbito do Congresso APED (Associação Portuguesa para o Estudo da Dor) tem um valor de 1.500€.

Copyright © 2012-2016 ICVS. All rights reserved.