Login | SITEMAP | FAQS

Science & Society | outreach activities | 2011 | Open labs to secondary school students, January 26th and April 6th, 2011

Open labs to secondary school students, January 26th and April 6th, 2011

Two hundred secondary school students from Minho-North of Portugal, had the opportunity to engage in multiple biomedical experimental laboratorial activities, by the hand of 50 researchers from the Life and Health Sciences Research Institute (ICVS).





 


 




 


                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                           



Laboratórios Abertos ao ensino secundário
ICVS, Campus de Gualtar, Braga, 26-01-2011 e 06-04-2011


Duzentos alunos do ensino secundário da região Norte foram integrados em atividades laboratoriais de diferentes áreas da Biomedicina, preparadas por 50 investigadores do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e da Saúde (ICVS) da UMinho. 
Os jovens do ensino secundário, provenientes de vários estabelecimentos de ensino, tiveram a oportunidade de acompanhar a transformação de um tecido normal em tecido tumoral; usaram a levedura como modelo de célula eucariótica para observar os efeitos nocivos da radiação solar e avaliar diferentes protetores solares de uso comum; investigaram o funcionamento do nosso cérebro e perceberam como sentimos e reagimos ao mundo que nos rodeia.
Oncobiologia
Do gene à proteína: a transformação de um tecido normal em tecido tumoral.
Nesta atividade, os alunos procederam à análise de DNA de tumores malignos, com o objetivo de identificar mutações num oncogene, através da realização de electroforese em gel de agarose e interpretação de resultados. Para além disso, os alunos viram as consequências desta mutação em tecidos tumorais, através da visualização, por imunohistoquímica, da proteína codificada pelo oncogene mutado.
Neurobiologia
Como funciona do nosso cérebro?
Esta atividade permitiu aos alunos perceber como sentimos e reagimos ao mundo que nos rodeia. O cérebro como centro de controlo do movimento, do sono, da fome, da sede e de quase todas as catividades vitais necessárias à sobrevivência. O cérebro como responsável por receber e interpretar os inúmeros sinais enviados quer pelo próprio organismo quer pelo meio exterior.
Efeitos nocivos da radiação
Embora as células possuam mecanismos de reparação de mutações no DNA, a radiação solar em excesso pode causar alterações graves no seu funcionamento ou até morte celular. Nesta atividade a levedura foi utilizada como modelo de célula eucariótica permitindo que numa experiência simples podemos observar os efeitos nocivos da radiação UV e avaliar o efeito protetor de cremes solares de utilização comum.

Copyright © 2012-2016 ICVS. All rights reserved.